Sua aptidão genética confere força ou resistência?

Um exame criado para Atletas Profissionais, Atletas Amadores e Praticantes de Academia.

 

 

Conhecer seus GENES pode fornecer:

• Treinos Personalizados
• Redução do Risco CardioVascular
• Melhora do desempenho esportivo
• Melhora na adaptação ao exercício físico

 

 

Desde a década de 80, o renomado pesquisador Claude Bouchard, a partir de seus estudos, afirmava que a performance física poderia estar associada à algum componente genético (Bouchard, 1985). Hoje, sabemos que existem genes capazes de regular a pressão arterial e ao mesmo tempo, capacidade cardiorrespiratória, ao passo que outros apontam tipos de fibras musculares e, portanto, sugerem melhor aptidão para exercícios de força ou de resistência.

O desempenho esportivo está associado com muitas características como peso, altura, composição corporal, capacidade cardiorrespiratória, capacidade de utilização do glicogênio e lipídeos, bem como os tipos de fibras musculares predominantes e aspectos psicológicos. No teste do Centro de Genomas® são avaliados genes importantes envolvidos com aptidão física, visando o melhor direcionamento para o treinamento e melhor performance.

Além disso, auxilia a evitar riscos de lesões, uma vez que haverá adequação ao treino, seja o de endurance ou de força. A herança genética em conjunto com fatores ambientais pode promover melhor adaptação ou adesão a determinado treinamento. No Centro de Genomas® são avaliados genes envolvidos com a aptidão física visando melhorar o direcionamento do treinamento para obtenção do melhor rendimento, evitando desgaste físico e redução do risco de lesão.

 

 

Analisamos os seguintes GENES:

• AGT – Angiotensinogênio
• ACE – Enzima conversora de angiotensina
• BDKRB2 – Receptor de β-bradicinina
• ACTN3-α – Actinina 3